João Freitas e Paulo Travassos sagram-se vice-campeões do Mundo

João Freitas e Paulo Travassos sagraram-se vice-campeões do Mundo de pares no escalão de +55, nos 39.º ITF Seniors World Individual Championships.

Os crónicos campeões nacionais de pares poderiam estar, neste momento, a celebrar um título mundial inédito para o ténis nacional, pois provaram não serem inferiores em nada aos 7.º cabeças de série.

Contudo, foram os norte-americanos Polo Cowan e Daniel Grossman a vencerem pelos apertados parciais 7-6 (7/5) e 7-5, no court Central do Estádio Nacional, repleto de público ruidoso e entusiasta.

João Freitas e Paulo Travassos avançaram rapidamente para 4-1 e chegaram a ter dois pontos de set na primeira partida. Não os converteram mas não esmoreceram e mesmo com um set abaixo, voltaram a arrancar melhor na segunda partida, liderando por 2-0, mas não seguraram essa vantagem de um break.

«Caiu para o lado deles mas poderia perfeitamente ter caído para o nosso lado» disse João Freitas, que acrescentou: «A este nível não podemos desperdiçar oportunidades. Tivemos ali oportunidades para fazer o 5-2 que nos daria uma certa vantagem. (…) Entrar no segundo set com um set na frente teria sido diferente».

Para Grossman e Cowan foi o sexto torneio consecutivo em provas do circuito sénior da ITF.

Embora este seja o Mundial Individual, os portugueses fizeram questão de jogar a final com o equipamento da seleção nacional.

«Foi uma homenagem que quisemos prestar a Portugal e à FPT», disse Paulo Travassos. «É um grande agradecimento a Portugal, à FPT e ao seu presidente, Vasco Costa, que acreditou em nós e deu-nos todas as condições para jogarmos. É um orgulho ouvir os outros jogadores dizerem-nos que nunca estiveram num Mundial tão bem organizado», corroborou João Freitas.

In GABINETE DE IMPRENSA
DOS MUNDIAIS DE VETERANOS
DA ITF EM 2019


Telefone +351 21 466 27 70/1 | 91 226 87 95
À Avenida Condes Barcelona · 2765-470 Estoril
pt_PTPortuguese
en_GBEnglish pt_PTPortuguese
X